Galeria

Dia de Samhain ou Halloween como é conhecido hoje

images (9)

Samhaim (em irlandês Samhain, no gaélico escocês Samhuinn, no manês Sauin e em gaulês Samonios) era o festival em que se comemora a passagem do ano dos celtas. Marca o fim do ano velho e o começo do ano novo. O Samhain inicia o inverno, uma das duas estações do ano dos celtas. O início da outra estação, o verão, é celebrado no festival de Beltane. Este festival, Samhain, é chamado de Samonios na  Gália. Segundo alguns autores, grande parte da tradição do Halloween, do Dia de todos os Santos e do  Dia dos fiéis defuntos pode ser associada ao Samhaim.

O Samhaim era a época em que acreditava-se que as almas dos mortos retornavam a suas casas para visitar os familiares, para buscar alimento e se aquecerem no fogo da lareira. Alguns autores acham que não existe nenhuma evidência que relacione o Samahin com o culto dos mortos e que esta crença se popularizou no século XIX. Segundo o relato das antigas sagas o Samhain era a época em que as tribos pagavam tributo se tivessem sido conquistadas por outro povo. Era também a época em que o Sídne deixava antever o outro mundo. O fé-fiada, o nevoeiro mágico que deixava as pessoas invisíveis, dispersava no Samhain e os  elfos, fadas e outros seres mágicos podiam ser vistos pelos humanos. images (10)

A fronteira entre o Outro Mundo e o mundo real desaparecia. Uma das datas do calendário lunar celta de Coligny pode ser associada ao Samhain. No 17º dia do mês lunar Samon, a referência *trinox Samoni sindiu é interpretada como a data da celebração do Samhain ou do  solstício de Verão entre os Gauleses. O festival de celebração era comemorado por vários dias.

Hoje ainda é comemorado e sobreviveu à cristianização através do halloween, ou dia das bruxas, onde as crianças pedindo doces representam os sidhs que passavam do outro mundo para este nesta noite.

Os praticantes de diversas religiões inclusive neopagãs celebram-no, como por exemplo o Druidismo. Ele é celebrado no dia 31 de Outubro no hemisfério norte e 30 de abril no hemisfério sul. Essa diferença existe porque as estações são invertidas de um hemisfério para o outro.

Esta era a celebração de “ano novo” dos  Celtas e ainda hoje se encontra grupos que celebram e assim o consideram, como o fim do ano. 

Bonfire

Esta ligado ao culto aos Ancestrais, tão importante na espiritualidade Celta, e aqui os mortos queridos, podem bailar conosco e dividir nossa ceia sagrada, pois é nesta noite que as cortinas do Outro Mundo estão abertas. Hoje relacionamos muito às bruxas, mas antigamente entre as mulheres havia muitos homens druidas e muitos ligados à alquimia.

bruxo

Os Celtas não acreditavam em demônios, mas determinadas entidades magicas eram consideradas hostis para os humanos, seus animais e colheitas. Deste modo muitas pessoas pregavam partidas aos seus vizinhos, como trocar os gados por figuras humanoides, para assustar, ao qual se tornou muito famosa a Jack o ‘Lantern ou a famosa abóbora iluminada de Halloween.

images (11)

Por ser atribuído o dia dos mortos ao Samhain, outras lendas mitos foram incluídos nas comemorações do hallowen, como vampiros, múmias que andam, zumbis e outros. Pode-se ver nas fantasias usadas neste dia como brincadeira para pedir doces.

F: wikipédia

Anúncios

Deixe seu comentário. Obrigado!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s